Quadrindex: Pantera Negra (Black Panther)

Quadrindex: Pantera Negra (Black Panther) Criação: Nos anos 60, os Estados Unidos viam o surgimento e a força do Movimento pelos Direitos Civis e da Frente de Liberação Feminina. A maioria dos personagens negros de histórias em quadrinhos, no entanto, eram estereótipos de criminosos ou pessoas com sérios problemas sociais. Foi em meio a este cenário contraditório que o sempre genial Stan Lee, responsável pelos maiores sucessos da Marvel, “notou” que “a maioria” dos super-heróis que existiam no mercado eram brancos.


Lee criou então, em parceria com o desenhista Jack Kirby, o Pantera Negra, um rei africano de alma nobre e com poderes semelhantes aos de uma pantera. Apesar da tentativa de ser politicamente correto, o personagem foi extremamente criticado porque ainda assim era um estereótipo, ainda que de maneira positiva, e parecia mais um “super-herói branco pintado de preto” do que um negro herói.

Desta forma, o Pantera - que fez sua estréia no número 52 dos Quatro Fantásticos, lançado nos Estados Unidos em julho de 1966 - acabou virando “parceiro” de outros heróis. Na maioria das HQs, ele aparecia ajudando heróis como Capitão América e os Vingadores (grupo, aliás, do qual é filiado até hoje).



O nome Pantera Negra quase se tornou um empecilho para Stan Lee. Isso porque, na época em que ele foi criado, havia um grupo ativista radical negro com o mesmo nome. “A Marvel chegou a questionar o nome do personagem, porque na época havia um grupo radical americano chamado The Black Panthers, mas argumentei que nossos leitores eram inteligentes o suficiente para perceberem que tratava-se de um homem com os poderes de uma pantera negra e não um ativista”, relembra Lee.


Apesar da polêmica, o Pantera não decolou até que, na década de 1990, o mesmo Stan Lee (já afastado da Marvel) deu uma declaração na qual afirmava que sentia que o personagem tinha um potencial inexplorado e que deveria ser retomado. Ao que parece, alguém da Marvel acreditou.


Assim, o Pantera ganhou revista própria nos EUA - alavancada pela participação especial de outros heróis como Namor e os X-Men. Nestas HQs, o background político do personagem - rei de um pequeno e riquíssimo país chamado Wakanda - é mais explorado e os argumentos passaram a enfocar mais costumes e intrigas políticas do local, além de constantemente serem recheados de piadas e muito bom-humor.


Questões colonialistas e racismo muitas vezes eram colocadas como pano de fundo nas tramas e assim o Pantera foi se consolidando agora não apenas como um super-herói negro, mas como um personagem principal. Em 2006, ele se casou com a X-Men Tempestade (Ororo Munroe), uma paixão de infância – de ambos.


O casal gerou ótimas histórias e entre seus feitos detonou com estilo os Skrulls que tentaram invadir Wakanda durante a macrossérie Invasão Secreta. O casamento, porém, terminaria seis anos depois


O sucesso nos quadrinhos catapultou T´Challa para outras mídias, como videogames e desenhos animados e, finalmente, o cinema. Primeiro, em uma participação bastante especial em Capitão América: Guerra Civil (2016). Depois, o personagem ganhou filme próprio, muito elogiado pela crítica e com lançamento no Brasil em 15 de fevereiro de 2018 (veja trailer abaixo). Ainda em 2018 ele também participa do longa Avengers: Infinity Wars, ao lado dos Vingadores. E a exposição na telona, por sua vez, gerou mais brinquedos, HQs, games... 



Enredo: Pantera Negra é na realidade T´Challa, o rei da nação africana de Wakanda. Filho do falecido rei T´Chaka, T´Challa tomou quando era pequeno uma poção feita com uma erva mágica em forma de coração, que, de acordo com uma antiga tradição, deve ser ingerida por todos os futuros reis de Wakanda em um ritual secreto. A poção desperta os poderes “da Pantera”: força descomunal, sentidos super-aguçados, agilidade sobre-humana.


Antes de obter os poderes, porém, T´Challa estudou todas as artes marciais e de guerra das tribos secretas da África e estudou nos melhores colégios (e universidades) da Europa e dos Estados Unidos, onde se formou como físico. Esta formação, por sinal, permitiu que ele no futuro criasse seu uniforme feito de Vibranium, um metal que absorve som e impacto e que é a principal fonte de renda de Wakanda, o “país mais rico e desenvolvido tecnologicamente de toda África do Norte”.


T´Challa, contudo, só assumiu seus poderes após a morte do pai, assassinado por um criminoso que queria tomar os depósitos secretos de Vibranium de Wakanda. Para se tornar o Pantera e assumir o trono, ele teve que derrotar os seis mais poderosos lutadores do país e descobrir junto a eles os segredos da “erva coração”. Depois de vencido o desafio, o herói foi coroado rei e desenvolveu completamente seus super-poderes.



No entanto, acabou envolvido com heróis dos Estados Unidos em lutas contra super-vilões mundiais e, após vários conflitos, recebeu um convite dos vingadores para unir-se a eles. Interessado em estudar os métodos dos heróis estadunidenses na luta ao crime, T´Challa deixou seu reino temporariamente e foi viver nos EUA.


Quando voltou, descobriu que um guerreiro nacionalista chamado Killmonger havia tomado o poder. Eventualmente T´Challa retomou seu reino e, em 2006, se casou com a X-Men Tempestade, que passou a reinar a seu lado. 


O casamento acabaria exatamente seis anos e um mês depois, anulado pelo próprio Pantera (que é também o “high priest” de Wakanda). Como os X-Men haviam lutado contra os interesses de Wakanda, T´Challa os considerou inimigos de seu país e, consequentemente, anunciou a Ororo que o casamento estava anulado justamente quando ela voltou à cidade dele para ajudar na reconstrução após um ataque do príncipe Namor. 


Apesar do ressentimento inicial, os dois continuam bons amigos e, pelo teor de algumas HQs, talvez venham a reatar – uma possível “pista” disso é que, em algumas HQs alternativas que se passam no futuro, aparece um personagem chamado Azari que, bem, é filho do casal.


Já na linha Millenium, na qual os personagens viviam histórias em uma realidade alternativa, o Pantera era um de dois irmãos do monarca de Wakanda. O garoto se deu mal em um teste de sua cultura, no qual luta contra uma pantera, e o pai moveu mundos e fundos para salvá-lo. A solução é dada por Nicky Fury e o programa Arma X, que transformam T´Challa em um super-poderoso – e mudo, já que a pantera detonou suas cordas vocais - soldado à serviço do Tio Sam. Pelo menos até ele entrar nos Supremos o Capitão América o mandar de volta a Wakanda em segredo. 

Personagens: Além de T´Challa e do vilão Killmonger, alguns dos personagens principais que aparecem ou apareceram nas histórias em quadrinhos são:


A ceita Dora Milaje, composta por mulheres treinadas para protegerem o rei e se tornarem suas futuras esposas (Wakanda aceita a Poligamia, Tempestade não e T´Challa dizia que iria respeitar a esposa...enquanto eram casados)

Achebe - Um padre megalomaníaco e extremamente perigoso que quer tomar o poder;

Everett Ross - Chefe de Estado designado por T´Challa e um de seus melhores amigos; 

Os Hatut Zeraze (ou "Cães de Guerra"), uma milícia militar destituída pelo Pantera por ser muito violenta e que agora atua na clandestinidade; 

Monica Lynne, cantora de Jazz e ex-noiva do Pantera; 

Rainha Divine, uma ex-prometida de T´Challa que traiu o reino e virou vilã; 

Lobo Branco, irmão adotivo de T´Challa que teve sérios conflitos com ele e atualmente não se sabe se é herói ou vilão (ou nenhum dos dois); 

Zuri, um grandalhão feioso que ajuda o Pantera; 


Ororo Munroe, ou seja, a Tempestade dos X-Men (esposa e heroína mutante); 



Curiosidade: essa Pantera que é uma gata! 


O número um da série Black Panther – The Deadliest of the species nos EUA pegou de surpresa os fãs de
T´Challa. Afinal, logo na capa aparecia o herói, mas...com seios e corpo escultural! Na verdade, tratava-se de outra Pantera, como ficaram sabendo depois os fãs. T´Challa estava em coma e foi substituído pela irmã, Shuri, treinada por ele desde a infância para emergências. No fim da história o herói saiu do coma, claro, e Shuri se uniu a ele e a Ororo na defesa de Wakanda contra os desafios vindouros, entre eles uma briga contra ninguém menos que o Dr. Destino.



Assista ao Vídeo:
Quadrindex: Pantera Negra (Black Panther)

Entre em Contato com o Mundo HQ

Seu endereço de email não será divulgado, porém, deverá ser um e-mail válido para obter a resposta. Campos obrigatórios são marcados*